Contact form

Toggle Upper

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) trata a dor eficazmente

 

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) trata a dor eficazmente
1612 views

A MTC trata a dor eficazmente

A dor é o sintoma mais frequente em toda a história da humanidade e da Medicina, seja ela Ocidental ou Oriental. Não existe ninguém que não tenha sentido qualquer tipo de dor ao longo da sua vida, desde dores de cabeça, menstruação, barriga, articulações ou coluna a dores pós-operatórias, associadas a perturbações psicológicas ou neuropáticas. De fato, a dor é uma experiência sensorial e emocional desagradável, trazendo incómodo e mal-estar. Ainda por cima, segundo estatísticas, as dores aumentam cerca de 20% no inverno, e um dos principais motivos é o frio. Nesta ocasião, as pessoas ficam mais retraídas e contraídas, o que gera uma tensão e broqueamento de energia e sangue que pode resultar em dor.

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) entende que o ser humano é composto de matéria e energia e que através do meio ambiente pode sofrer agressões externas, bastando um desequilíbrio entre ambos para ficar doente. Desta forma, quando a energia e/ou o sangue sofrem interrupção do seu funcionamento normal, manifesta-se a dor, sendo portanto necessário fazer com que este sangue (Xue) e energia (Qi) fluam novamente de forma normal. A boa notícia está na medicina milenar desenvolvida pelos chineses, que através de inúmeras terapias, tem como objetivo estimular e equilibrar a harmonia que o corpo precisa para fluir e eliminar a dor. É importante perceber que a MTC se diferencia da Medicina Ocidental no sentido em que possui efeito imediato, dispensa a utilização e medicamentos e principalmente, trata a origem do problema, e não apenas os sintomas, proporcionando verdadeiramente a cura.

Tendo em vista o tempo frio que aí vem e os impactos negativos que pode ter na nossa saúde, dedicamos a Newsletter de Inverno aos males mais comuns nesta altura do ano, bem como a eficácia das terapias chinesas nos mais diversos problemas de saúde.

Veja também alguns testemunhos sobre este tema:

http://ctcportugal.com/testemunhos-2/dores/


Comments (0)

Comments are closed.